Back to Blog

Daemonia Nymphe

Daemonia Nymphe (???????? ?????)

Já ouviu falar? Nem eu… Até agora. Naquelas minhas andanças pelo mundo musical underground, que me fizeram descobrir muita coisa boa (e muito lixo), eis que me deparei com a primeira banda verdadeiramente grega com a qual tive contato. Fundada em 1994 por Spyros Giasafaki e Evi Stergiou, a música da banda é categorizada como ethereal, neoclassical, neofolk, ou gótica.
[dcs_darkspliter parameters]

Seu primeiro álbum “mesmo” (depois de lançar dois EPs) tem o sugestivo nome de “? ???????? ????? ??? ?????? (The Bacchic Dance of the Nymphs)”… Pára tudo! Desse ponto em diante, este fauno que voz fala viu duas das suas palavras preferidas em uma única frase (“Bacchic” e “Nymphs”), e decidiu, claro, dar um voto de confiança (e que satírico não daria?)…
[dcs_darkspliter parameters]
Lindo! Lindo! Perfeito! Era tudo que conseguia pensar a respeito do som que me permeava os tímpanos. Experienciei uma música primitiva, épica, que remete a um estado de espírito contemplativo, quase um transe. A faixa que leva o mesmo nome de um dos discos (? ???????? ????? ??? ?????? – traduzido acima) me fez teleportar para um bosque tomado de neblina, no qual ninfas seminuas dançavam serpenteando entre árvores antigas, soprando seu canto místico para o ouvido extasiado deste fauno, que se levantou do sofá e fez questão de acompanhá-las em sua dança primitiva…
[dcs_darkspliter parameters]

A música de Daemonia Nymphe, embora profundamente enraizada nas histórias e antigas tradições gregas, não é carregado com as conotações negativas de muitos grupos que fazem música histórica. Em vez disso, o grupo encontrou um “caminho do meio” onde a modernidade e a tradição arcaica reúnem-se em uma fusão de criatividade e som. Elementos da música ritual neoclássica e neofolk podem ser ouvidas por toda a execução dos discos e contam com cantos, bateria, instrumentos de cordas e bonito juntar com instrumentos de sopro de madeira, em um jogo apaixonante do espírito e da música. As composições são maduras e provocam um estado pensativo que nos faz percorrer vários sentimentos que vão da tristeza a celebração e êxtase. Como não poderia deixar de ser, elementos da música anciã grega também estão presentes, através de instrumentos tão antigos quanto sua própria civilização, tais como a lyra, varvitos, krotala, pandoura e, claro, a flauta dupla.

LEIA MAIS>>>

Saudemos Bakkhus, por inspirar este som…
[dcs_darkspliter parameters]

Io, Io ??????!
?????? ?? ???????
Sound ?? ??????
??????????? ?? ????????
?????????? ?? ??????? ????????
??????????? ???????? O ??? ??????
??????????? ?? ???????
???? ??????????
?? ??????? ???????????????
?????????? ?? ????? ??? ????????? ??? ??????
Traveler ???? ???????
????? ??? ????????
???? ?????? ????????? ??? ??????
? ??????? ?? ?????? ???????
???? ????????? ? ?????? ??? ????????????? ????, ? ??????

????, ???? ??? ?? ???????? ??? ?????????? ??? ??????? ???? ??? ??????? ??
????????? ???? ??? ???? ??? ???? rave ???????? ????

Bákxai, Bákxai, Bákxai, Bakxai, Bákxai, Bakxai
Bákxai, Bákxai, Bákxai, Bakxai, Bákxai, Bakxai
Ió, Ió, Ió, Ió, Ió, Ió
Ió, Ió, Ió, Ió, Ió, Ió
Evoé, Evoé, Evoé, Evoé, Evoé, Evoé
Evoé, Evoé, Evoé, Evoé, Evoé, Evoé
[dcs_darkspliter parameters]

Tradução pelo Google

Io, Io Bakkhus
Tocam os tambores
Soam os berrantes
Cantam os mistérios
Revelam os báquicos segredos
Ó Encantadas Mênades e Bacantes
Entoam os louvores
Sagrados mascarados
Instrumentos da representação
Do filho nascido da cria de Cadmo
Viajante em terras estrangeiras
Senhor das colheitas
Sêmen sagrado ao chão jorrado
Fertilizando as eternas videiras
Onde residem a magia dos seus ritos, ó Baco

Agora vede e ouve a saudação dos seus filhos e iniciados
Atravessando este portal em danças deliram os sátiros

Bákxai, Bákxai, Bákxai, Bakxai, Bákxai, Bakxai
Bákxai, Bákxai, Bákxai, Bakxai, Bákxai, Bakxai
Ió, Ió, Ió, Ió, Ió, Ió
Ió, Ió, Ió, Ió, Ió, Ió
Evoé, Evoé, Evoé, Evoé, Evoé, Evoé
Evoé, Evoé, Evoé, Evoé, Evoé, Evoé
[dcs_darkspliter parameters]

Querem ouvir também? Então clica AQUI

Facebook Comments

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Blog