Subconscious Cruelty – O Filme +18

Back to Blog

Subconscious Cruelty – O Filme +18

Boa tarde queridos da REDEVAMP!

Eu e a Miaah estávamos pesquisando alguns assuntos interessantes/intrigantes e polêmicos para postar aqui para vocês e rever alguns filmes que pudessem gerar uma polêmica legal (rs) e encontramos um dos filmes que mais mexeu conosco. O nome é Subconscious Cruelty.

Filme extremamente chocante. O Terror em Engelsblüt e seus donos, assim como os donos do redevamp.com e seus parceiros não se responsabilizarão por danos psicológicos decorridos deste artigo.

“Toda vez que temos uma visão do subconsciente pessimista e que peca pelos extremos – temos uma visão excessivamente freudiana sobre o tema que contraria bastante o contexto Vamp. O filme me recorda os Teatros da Dor e o Teatro do Absurdo. São manifestações estéticas genuínas que abordavam temas assim em teatros marginais de Paris e na Europa” – Lord A:. E é com esta frase do amigo e irmão Lord A:. que vamos ao nosso artigo de hoje!

Subconscious Cruelty 

É um filme de terror independente escrito e dirigido por Karim Hussain e produzido por Mitch Davis. Foi filmado durante um longo período de tempo, a partir de fevereiro de 1994 a dezembro de 1999, e estreou no Festival de Cinema de Sitges em Sitges , Espanha , em 12 de outubro de 2000. O filme passou a tela em vários outros festivais, incluindo o Stockholm International Film Festival e Amsterdam Fantastic Film Festival , antes de ser lançado em DVD em 18 de abril de 2005. Tem a duração de 1h 32 min e não tem sinopse divulgada por ter sido proibido em vários países, incluindo o nosso Brasil.

Logo no inicio do filme nos deparamos com uma mensagem, que é mais ou menos assim: “Realidade… ela nos prende a um ciclo monótomo e mortal. Toma conta de nossos desejos e sonhos com inúmeros obstáculos que se ligam entre si, com cruel ironia. Tentamos nos esconder dessas inescapáveis verdade com mentiras, como o cinema, usa-las como um escudo para fugir. Um abrigo para nos proteger das dificuldade incessantes jogadas em nossos caminhos. Certos filmes podem tentar absorver nossa energia negativa em uma esperança de que talvez eles possam manter nossas mais obscuras emoções sob controle. Mas, infelizmente, somente a luz trêmula consegue pacificar nossos demônios por tanto tempo e será impossível ignorar a realidade humana muito mais terrível do que qualquer filme possa ter tentado retratar.” – Tirada da Internet

Bom, podemos entender que o filme tem a intenção desde o inicio: Retratar a mente humana da forma mais cruel, irônica e doentia possível… Não é o filme que faz isso existir, que torna o mundo horrível. É a realidade que, muitas vezes, nós queremos esconder. Ponto positivo para o filme. Outro ponto também que merece muito ser comentado é a trilha sonora. Eu adoro trilhas sonoras e a de Subconscious Cruelty é de abalar as estruturas… Magnifica.

Logo no inicio do filme, aparece a cena em que um homem semelhante a Jesus Cristo está com algo parecido com um cano de ferro em seu anus sendo forçado, claro que críticos religiosos já disseram que seriam a punição de homossexuais.

Mas vamos deixar esta parte pra depois, vamos entender o filme primeiro. O filme é dividido em histórias a parte por isso irei comentar como se fossem”episódios”, pois acredito que ficará mais fácil. para mim explicar e para vocês entenderem,

O primeiro deles é o: Ovarian Eyeball:  Conta a historia de um casal de irmãos que vivem em condições precárias. O menino é apaixonado pela irmã, que acredito que seja prostituta. E ao ver ela transando com outros homens ele começa a pensar na vida, e também a criar raiva, um ódio de mulheres gravidas. Neste caso, já pode se considerar que é mostrada a mente maluca e psicótica de alguém criado nestas situações. Ele mesmo afirma: “Minha vida, lentamente torna-se o que pode-se considerar um pesadelo uma visão cruel e violenta atrás da outra.. Imagens que foram construídas sobre uma ótica de depravação e horror. Mas eu adoro isso, adoro crueldade e tortura” . Te parece louco? Mas também não acha que é real? Podemos pegar vários casos de psicopatas praticantes de incesto que passaram por isso e até mataram sem remorso.  Imaginem quantos não são os casos de um homem que pensa assim? “Aprendo com essas visões que o monstro mais forte de todos o que causa mais dor, destruição e sofrimento nada mais é do que o próprio ser humano” . E tudo isso vai piorando ao decorrer dos meses de gestação da irmã, pois ele mata ela e o bebe de tanto ódio.

 

Agora vamos para a cena de  Man Larvae: Essa parte eu achei mais difícil de entender. O filme não passa de pessoas se esfregando e fazendo… amor? Com a natureza. Numa das cenas a mulher quebra um galho que sangra como não sei o que. É bem confuso e estranho, mas acredito que queira passar a imagem de que nós fazemos parte da natureza. Essa parte não tem falas o que dificulta um pouco o que eu posso escrever, mas acredito que conteúdo seja melhor que volume e, como não sou lá essas coisas em entendimento da mente louca humana, não tenho nenhuma outra observação sobre essa parte.

 

Temos a Rebirth – Neste terceiro segmento, um grupo de pessoas nuas rolam sobre lama e sangue, em mais um segmento sem sentido e asqueroso. Foi a cena que mais se surpreendeu, fiquei de boca aberta e um tanto sem reação, pois entra um pouco na sua cabeça.

 

 

E a ultima cena é de  Right Brain/Martyrdom: # ATENÇÃO SE VOCÊ É RELIGIOSO, NÃO  ASSISTA O FILME #  Pois nesta ultima parte mostra a vida de um padre ( um religioso ), e ironiza diretamente os católicos. O Padre começa a se masturbar, mas sabemos que padres são homens ( e eu sinceramente não entendo este TABU, mas foda-se shus). O filme mostra mais do que eu poderia explicar, acredito que esta seja a cena de mais fácil compreensão. Tem uma parte em que  usam o crucifixo. No filme o lado direito   (que é a parte do cérebro que comanda a razão) faz uma afirmação dos medos que muitos tem, mas ninguém, no fundo,admite: “Você usa esse simbolo por medo. Os ideais por trás dele não são o que Deus queria. Você usa-o por respeitabilidade.

*******

Este é um filme doentio, perturbador, nojento e que exige muita atenção e mente aberta. Eu recomendo , porém ele não é fácil de ser encontrado e infelizmente só consegui pelo Youtube porém com restrição de idade e sem legenda. Vejam clicando aqui -; Subconscious Cruelty Filme Completo ( Mas no youtube tem um que também é completo e tem legenda, porém a legenda é em espanhol).

Acredito que na última cena, nos últimos minutos os religiosos vão pirar. Mas é um filme fantástico, claro, mostra realmente um pouco da mente humana.

Mas então, você viu o filme no link acima? Gostou? Deixe seu comentário aqui 😉

Não deixem de curtir nossa página no Facebook, sigam-nos no Twitter e se inscrevam no nosso canal do Youtube! E amanhã temos mais uma edição do programa Terror em Engelsblüt em acidicinfektion.com à partir das 18h até às 20h. Não percam!

 

E nunca se esqueçam, Sigam seus instintos… e Boa Sorte! 

 

dancers-after-dark

Facebook Comments

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Blog