DARKSTALKERS lembrando os bons tempos

Back to Blog

DARKSTALKERS lembrando os bons tempos

A trajetória dos games com vampiros vem de longa data como vocês sabem – e tem um espaço muito especial aqui na REDE VAMP. Hoje vamos recordar a saga dos jogos da franquia “DARKSTALKERS” – que trazia entre os personagens vampiros, lobisomens, monstros aquáticos e súcubus entre outras criaturas da noite. Aqui em São Paulo jogávamos Darkstalkers nos extintos fliperamas dos shoppings Matarazzo e Pompéia Nobre na segunda metade da década de noventa. E como não poderia deixar de ser, convidamos um leitor da REDE VAMP para recordar os bons tempos deste game, com vocês: Brunno Barreto – um amigo das antigas e com muita história para contar.

BrunnoBarreto[dropcap ]O[/dropcap]s anos 90 foram os anos dourados para os jogos de luta. A nostalgia e o sentimento de alegria ao visitar os hoje extintos fliperamas e conhecer os lançamentos era algo único, especialmente para adolescentes numa era em que a internet ainda não existia. Alguns lembram e podem se identificar com a velocidade em que o “boca a boca” dos amigos e as revistas especializadas espalhavam novidades e muitas lendas sobre Street Fighter, Mortal Kombat, King of Fighters e outros títulos. Um desses jogos, muito querido até hoje, originou a série Darkstalkers (Vampire, no Japão).

Eram poucas máquinas e em poucos estabelecimentos, pois o jogo era um pouco “alternativo” aos grandes sucessos, mas a possibilidade de lutar com personagens do universo místico e de terror era algo espetacular! Vampiro, monstro de Frankenstein, múmia, pé grande, lobisomem, monstro do lago…

[space height=”20″ ]

Ds

[space height=”20″ ]

Vejamos a lista dos principais personagens: Morrigan Aensland (Súcubo); Demitri Maximoff (Vampiro); Gallon / Jon Talbain (Lobisomem); Felicia (Mulher-gato); Anakaris (múmia); Victor von Gerdenheim (inspirado pelo monstro do Dr.Frankenstein); Aulbath / Rikuo (Tritão); Bishamon (Fantasma em uma armadura samurai); Sasquatch (Pé-grande); Zabel Zarock/Lord Raptor (Zumbi); Phobos / Huitzil (robô); Pyron (Alienígena flamejante); Donovan Baine (caçador de monstros); Lei Lei / Hsien-Ko (uma espécie de cadáver saltador chinês); Lilith (Súcubo, no estilo Ken/Ryu para a Morrigan); Bulleta / B. B. Hood (Chapeuzinho Vermelho); Jedah Domah (um demônio, com traços de mangá); Q-Bee (abelha humanoide)

Como escolher seu favorito durante os poucos segundos oferecidos pela tela de seleção de personagem? Uma dúvida que renasceu ao assistir vídeos para composição desse texto. 🙂

Neste link você encontra informações mais detalhadas sobre cada personagem e título em que aparece! 

Prove o sabor da Imortalidade! Redivivo o Vinho Tinto Vampyrico, só no REDE VAMP!

Prove o sabor da Imortalidade! Redivivo o Vinho Tinto Vampyrico, só no REDE VAMP!

Os comandos básicos, movimentação e golpes lembravam o grande sucesso, Street Fighter, da mesma empresa, a Capcom (todo fã de games certamente jogou mais de um grande jogo feito por ela). É importante notar que características comuns a muitos jogos hoje foram introduzidas com os monstros: bloqueio no ar, andar agachado e combos em sequência. Havia também a “barra do especial”, que permitia movimentos mais poderosos dos personagens. Darkstalkers inovou muito nesse aspecto, e todo título da série trouxe ao menos uma nova característica ao gênero de jogos de luta.

A série é composta por diversos títulos, alguns deles lançados exclusivamente no Japão:

  • Vampire / Darkstalkers: The Night Warriors (1994)
  • Vampire Hunter / Night Warriors: Darkstalkers’ Revenge (1995)
  • Vampire Savior / Darkstalkers 3: Lord of Vampire (1997)
  • Vampire Hunter 2 / Vampire Savior 2 (1997, apenas no Japão)
  • Vampire Chronicle for Matching Service (2000, apenas no Japão)
  • Darkstalkers Chronicle: The Chaos Tower (2005)
  • Vampire: Darkstalkers Collection (2005, apenas no Japão)

[space height=”40″ ]

O saudoso Playstation (1) permitia jogar alguns desses títulos em casa e a série rendeu histórias em quadrinhos e uma série animada, como também era praxe na época.

Nota do editor: *Não deixe de ler também nosso artigo sobre a franquia de games da série Castlevania ( se você ainda não conhece sua história, leia este artigo )

Confira (ou relembre) as aberturas dos jogos:

[youtube video_id=”rWjLblVTHeo&ebc=ANyPxKoJ8ZmRGGdJm7G8E3GBfkSDwzfkwZcLAQoP8w05_xV6qoBo_r-cZ4mMpk9BJK74iat3AalWTD9V7YMOi0h9aEBEZXT01Q” placeholder=”no” ]

Há uma remasterização para os consoles da geração anterior (PS3 e Xbox 360) chamada Darkstalkers Resurrection, lançada em 2013:

[youtube video_id=”8A4fPuMitys” placeholder=”no” ]

Quem sabe mais tarde não haverá embates monstruosos aqui na sala de casa? 😀

[newsletter_cta title=”MAIS DARKSTALKERS NA SUA VIDA?” title_size=”32″ title_color=”#dd3333″ incipit=”Registre seu E-mail e acompanhe as novidades do Portal REDE VAMP” incipit_size=”24″ incipit_color=”#e2e2e2″ button_class=”Registrar E-Mail” post_name=”mailchimp” icon_form=”f0e0″ ]

 

Facebook Comments

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Blog