5ª Edição de Vampiro: A máscara – mudanças no cenário e sistema

Back to Blog

5ª Edição de Vampiro: A máscara – mudanças no cenário e sistema

Pois é, A White Wolf fez muito jogador de RPG se agitar com o anúncio da V5 ou 5ªed de Vampiro a Máscara e não é pra menos. Foi liberado um pré-alpha com uma aventura pronta para a comunidade testar (tipo uma demo) e dizer o que acharam das mudanças, o que demonstra um interesse muito grande deles em agradar o público (sim, isso é esperado de qualquer empresa séria, mas hey, eles abriram um senhor canal de comunicação).

Sabendo disso eu resolvi trazer para vocês o que muda no cenário e no sistema mais a título de matar a curiosidade de quem não achou ou não leu nada sobre a V5 até agora.

 

Cenário

 

A Camarilla é mais secreta agora: Como assim? Bem, aparentemente nem todo o vampiro é da camarilla, mas ela vai tentar manter o controle das coisas, só que no começo você nem vai saber que ela existe e nem vai ser parte dela. No geral todo o vampiro será um “anarquista” no começo, não por opção. É você no mundão com os seus amigos trevosos tentando sobreviver da melhor maneira, se vocês se mostrarem dignos da Camarilla talvez ela te convide para fazer parte da torre de marfim, tipo uma maçonaria.

 

O Sabá não é jogável: Isso é só na pré-alpha, provavelmente haverá material complementar que possibilite jogar com eles, mas não ainda. Mesmo nas edições antigas houve lançamento de material específico para se jogar com o Sabá. Complementos que traziam os “Antitribu” e a mão negra.

 

Os mortais vão revidar: Na V20 veio um suplemento de caçadores caçados que trazia muita coisa bacana e pelo visto a WW gostou e resolveu investir nisso. Agora as agências governamentais estarão de olho nos cainitas e em suas atividades. Sim, eles os caçarão ativamente, a esse movimento será dado o nome de “Nova Inquisição”. Lembrando que na V20 até as organizações criminosas sabiam que existiam seres poderosos, ainda que não soubessem exatamente o que eram.

A vida dos vampiros não ficou nada fácil e posso lhes afirmar que os desafios serão muito melhores.

 

 

Sistemas

 

Algumas coisas foram importadas de Vampiro: O Réquiem e isso pode desagradar alguns, mas sejamos sinceros, tem coisa que matematicamente funciona melhor lá do que aqui.

 

Atributos: Esquece aquela coisa de 9 atributos, 3 para cada grupo. Agora são só 3 que correspondem aos principais blocos, físicos, mentais e sociais. Esse modelo simplificado inclusive já é usado pelo pessoal do Live Action do One World by Night.

 

A dificuldade é 6: Sim, a dificuldade dos testes agora é sempre 6, só o que irá mudar é a quantidade de sucessos que você precisa para cada teste, essa será a verdadeira dificuldade. Imagine que antes para acertar um disparo com uma pisto em média distância você precisava de um sucesso no teste dificuldade 6 e para acertar um tiro na cabeça você precisava de um sucesso em um teste dificuldade 8. Agora seria 1 sucesso para acertar o disparo normal e 3 sucessos para acertar um disparo na cabeça, sacou?

 

Natureza e comportamento: Esquece isso, agora a coisa ficou mais filosófica. Quem curte filosofia aristotélica deve saber que esse velhinho grego falava sobre Vícios e Virtudes, creio que a ideia tenha vindo daí. Você vai escolher um vício (que tecnicamente seria um comportamento egoísta ou algo meio ruim, não simplesmente encher a cara de cerveja ou cocaína) e uma virtude (um comportamento valoroso e bom no sentido amplo). Uma vez saciado um vício se recupera 1pt de Força de Vontade e uma vez realizado o comportamento da virtude recuperam-se TODOS os pontos de FV.

 

FV de 1 a 5: A escala de força de vontade foi alterada para poder ser rolada junto com outros atributos e habilidades, mais do que isso, agora ficou claro que sempre que você tiver que usar como parâmetro a sua FV sempre será a que você tem NO MOMENTO e não o valor máximo. Isso vai fazer com que seja necessária administrar melhor a FV.

 

Fome: Sim! Ao meu ver foi a mudança mais interessante em termos de mecânica. Um vampiro é um morto-vivo amaldiçoado e isso não significa viver pra sempre e usar protetor solar fator 100, nãããããããã. Você está sempre com fome, muita ou pouco, mas sempre com fome. Tipo fazer dieta, só que pra sempre.

Fome será medida em uma escala de 1 a 5 e a pontuação que você tiver gerará “dados de fome” que substituirão os dados de atributos ou habilidades normais nas rolagens. Como assim? Seguinte, A e B estão lutando. A vai dar um soco em B com 6 dados (físicos 3 + 3 de briga). A está com fome 2. Então o que vai acontecer? Para cada sucesso com os dados de fome é normal, os efeitos da rolagem são normais, o soco vai e dá o dano dele, porém para cada falha crítica (1) que se rolar nos dados de fome o vampiro será um pouco afetado pela besta. Com uma falha crítica ele escutará os sussurros da besta (vai ouvir suas vítimas ou ter flashbacks dolorosos), com duas falhas críticas ele pode desenvolver uma compulsão leve. Essas perturbações da besta duram alguns turnos ou uma cena. Fora isso, quanto maior a fome mais chances de entrar em frenesi. Existe uma possibilidade de “zerar” a fome que seria se alimentar de um humano até sua morte, nesse caso o contador iria recomeçar do zero.

 

Sem pontos de sangue: Essa mecânica de pontos de sangue como se fossem mana foi retirada. A nova onda agora é o “Despertar do sangue”. Não tem um limite de quantas vezes você poderá fazer isso, mas nada sai de graça nesse jogo. Cada vez que você usa vai uma anotação, ao final de cada cena, quando completar 5 anotações/usos ou antes de se alimentar, você vai rolar os dados de “Despertar do sangue”. Cada falha no teste aumenta a fome em +1.

 

Compostura/Calma: É uma nova mecânica que será utilizada como o autocontrole. Você vai rolar isso aí para suprimir a besta ou evitar entrar em frenesi.

 

Compulsões: Parece que ser imortal levar à problemas mentais. Ainda que exista uma lista de compulsões genéricas haverão compulsões próprias de cada clã. Toreadores tem que observar obras de arte ficando alheios ao mundo, Brujahs deem desobedecer uma ordem, Ventrues tem que dar uma ordem, etc.

 

 

 

Fora isso tudo há mudanças em algumas disciplinas como fortitude, rapidez e potência que passarão a ter um efeito específico para cada level (isso é outra coisa que já existe nos live actions).

Em linhas gerais podemos dizer que o horror pessoal volta com tudo. Ser vampiro deixa de ser algo foda e passa a ser verdadeiramente uma maldição. Talvez o VtM entre em uma era “Dark Souls” de mesa já que fica visível o aumento da dificuldade. O cenários está mais hostil e o jogo político ficará reservado à personagens realmente mais evoluídos, até você chegar nesse patamar vai ralar muito pra sobreviver. Eternidade será sinônimo de sofrimento.

É importante lembrar também que trata-se de um pré-alpha, muita coisa pode mudar e talvez nem sair, vamos ter que aguardar pra ver qual será a recepção da comunidade.

 

No mais eu gostaria de agradecer ao usuário Bispo Altobello do fórum de RPG que faço parte, eu praticamente dei uma arrumadinha nas informações mas o trabalho principal foi dele. Quem quiser conhecer o fórum eu vou deixar o link aqui embaixo.

 

E você? O que achou das mudanças? Comente!

        

Até a próxima e bons sonhos

 

Link do fórum de Vampire:  http://vampiros-a-mascara.forum-livre.com/forum

Se você quiser saber mais sobre Live Action

São Paulo by Night: https://www.facebook.com/spbynight/

One world by night: http://www.owbn.net/

Facebook Comments

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Blog