HIM: Considerações sobre Tears on Tape

Back to Blog

HIM: Considerações sobre Tears on Tape

A banda finlandesa HIM traz o vocalista Ville Vallo como frontman – e este exerce uma interessante atração e empatia sob muitos integrantes da cena Vamp, principalmente do público feminino que o consídera um belo vampiro e digno de ser coadjuvante de muitos seríados contemporâneos.Quando eu discoteva HIM no meio da primeira década do século XXI, constatava que suas músicas exerciam considerável influência no público e casavam bem com as da banda The 69 Eyes (que merece um artigo só deles por aqui também!)  e ainda dos brasileiros da Sunseth Midnight (Uma banda fantástica que da mesma forma repentina como despontou no cenário nacional, infelizmente desapareceu)Havendo uma memorável sintonia com o “Ethos Vamp” e certeza de bons momentos e de bom som, para quem curte um rock com pegada mais “dark” ou “Vamp” como diríam alguns.Recentemente o HIM lançou o “Tears on Tape”, e a leitora do REDE VAMP Lívia Tepes Mikhaelis, que mantêm um blog chamado Vampire Hearth – teceu boas observações sobre o novo álbum da turma de Ville Vallo – e compartilho o artigo com vocês (tendo a expressa autorização da sua autora)

O HIM passou um bom período sumido da mídia depois do lançamento de Screamworks: Love in Theory and Practice, o sétimo álbum do HIM que foi lançado pela gravadora Sire/Warner, que também lançou os 3 álbuns anteriores a esse… Fato é que Screamworks era até então o único álbum que tinha uma sonoridade diferente dos álbuns anteriores. Ville dizia que isso se devia a uma nova fase que ele estava vivendo em sua vida que refletia em sua música, mas ao mesmo tempo rumores diziam que essa mudança toda foi um pedido da gravadora. Depois desse álbum, o HIM se desligou da gravadora. Ville sumiu e quando voltou aparecer prometeu um novo cd, que parecia que nunca ia ser lançado… Mas foi!
Esse álbum é o “Tears On Tape” o oitavo cd da banda, a principio ia ser lançado por um selo independente e Ville prometia que as musicas iam ter aquele caráter sombrio e melancólico semelhante os primeiros cds da banda que conquistaram seus fãs. Eu particularmente fiquei animada com a noticia porque eu já não tinha gostado muito do Screamworks e esperava que essa fase acabasse…

Mas no meio do caminho o HIM assinou com a gravadora norte americana Razor & Tie e em abril quando “Tears on Tape” foi lançado, fiquei pasma!!! Parecia tudo, menos o HIM…Esse oitavo cd da banda tem uma pegada mais hard, que foge do que conhecemos do HIM. Ouvi, ouvi… E refleti muito sobre isso e só agora resolvi dar minha opinião.Na minha humilde opinião é o pior álbum da banda! sou Fã do HIM, amo a banda e estou decepcionada com esse cd e pelo fato de Ville Valo ter dito uma coisa e ter feito outra. O que nós leva a pensar que mais uma vez tudo foi mudado a pedido ou imposição da gravadora.

HIMEu conheço muitos fãs do HIM que acompanham a banda desde do inicio como eu, e as opiniões foram unânimes, ou seja os fãs do HIM não gostaram desse cd.O que refletiu no Heartagram’s Party festa que acontece todo ano em são Paulo para os fãs do HIM. (Esse ano por motivos pessoais eu não compareci), mas meus amigos que foram disseram que não tinha muitos fãs do HIM, o público era diverso que em sua maioria nem sabia do que se tratava o evento… talves isso se deva por ter sido feito em uma grande casa de eventos que já tem seu público independente de qualquer coisa ou por realmente os fãs do HIM estarem decepcionados.

Depois do lançamento desse cd começou a turnê americana de divulgação desse álbum, mas a turnê foi cancelada por problemas de saúde de Ville Valo. Depois disso poucas noticias foram divulgadas na mídia sobre eles.Eu espero que Ville se recupere e que o HIM venha finalmente tocar no Brasil, porque o HIM tem musicas maravilhosas independente desse ultimo cd.Espero também que Ville Valo e toda banda caiam em si e voltem a ser o HIM que os verdadeiros fãs conhecem.Continuo torcendo muito para que essa fase “Tears on Tape” acabe!!!

Facebook Comments

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Blog