Vamos falar sobre Annabelle 2: A Criação do Mal

Olá meus queridos e queridas, estamos sumidinhos aqui, a vida meio corrida, mas vamos seguindo cada dia melhor, cada vez mais responsabilidades para nós dentro da cena e daqui para frente vamos anunciar novidades muito legais aqui no redevamp.com e também lá na nossa página do Facebook.
Mas vamos ao que interessa.

Hoje, eu Mal’akh, vou falar um pouco para vocês sobre alguns dos trailers que saíram sobre um dos filmes mais aguardados deste ano: Annabelle 2: A Criação do Mal.

Bom, o novo filme das grandes histórias do casal Warren (que tiveram filmes inspirados nos seus grandes casos como Horror em Amityville, Invocação do Mal 1 e 2 e o primeiro Annabelle) vem com tudo neste ano de 2017. Por mais que tenha o 2 no seu título, Annabelle 2: A Criação do Mal não será uma continuação do primeiro filme lançado em 2014 (que posso afirmar como um grande amante de filmes do gênero, deixou e muito a desejar na questão de história e narrativa, coisa que devo admitir que teve como um ponto negativo o próprio idealizador John R. Leonetti, de Efeito Borboleta 2, que não é bem um expert do gênero de terror, né?!), mas sim, um prelúdio; irá contar como a demoníaca boneca se tornou um objeto de uma entidade maligna.

O Filme

Resultado de imagem para annabelle 2

Tudo começou quando um casal perde sua pequena filha em um acidente, em que é atropelada por um carro e seus pais com muita saudade, resolvem começar a pensar, chamar e até mesmo orar para que vissem novamente sua filha, que seu “espírito” começou a aparecer pelos cômodas da casa. O contato ficou por isso por algum tempo, até que a criança pede aos pais para que possa se entrar na boneca criada pelo pai, como recordação da pequenina filha. Os pais, claro, deixaram, pois teriam novamente sua filha por perto.

Logo após isso, eles percebem que aquilo que se apossou da boneca, não era sua filha, mas algo ruim e logo chamaram um padre que realizou um ritual de exorcismo na boneca e na casa e trancou a boneca no antigo quarto da menina, que por muito tempo ficou isolado, sem ninguém entrar ou mesmo passar por perto.

Dado momento, o casal abriga em sua casa – como uma forma de penitência – uma freira e diversas meninas de um orfanato que estavam sem local para ficarem após perderem a moradia. Uma das crianças, que tem problemas de locomoção, começa a ser contactada pelo espírito que tomou conta da boneca; mandando recados num papel escrito palavras como “Me ache” até que a garota inocente vai atrás.

Resultado de imagem para annabelle 2 cenasConversando com uma freira, esta garota diz que sabe que mesmo não vendo Deus, ela sente sua presença, mas naquele imenso casarão, sente a presença de algo diferente… que a persegue… uma presença maligna.
E ela continua a procurar por esta presença que a contacta cada vez mais e cada vez mais sente sua presença na casa. “Está esquentando”.

Até que ela encontra a boneca e avista, na sala, uma pequena garota na janela que a pergunta: “Você me ajuda?” e então vira-se mostrando sua face maligna e desfigurada como a de um demônio.

As luzes começam a falhar; coisas começam, sozinhas, a se quebrar; pessoas levitam e são jogadas contra as paredes da casa; o espírito que se apossou da boneca agora toma conta do corpo da jovem e inocente órfã Janice…

A Crítica

Resultado de imagem para annabelle 2 cenas
Bom, pelos trailers conseguimos ver a qualidade do diretor David F. Sandberg, que dirigiu um filme maravilhoso que adoro Quando as Luzes se Apagam (2017), que já tem uma bagagem no seu currículo de filmes muito bacanas como Attic Pani e LadyBoy, que trás para nós algo muito interessante que foi deixado de lado no primeiro filme da Annabelle: O TERROR. No Annabelle, tivemos muitos sustos, mas pouca narrativa, o que para um filme de terror é uma falha crítica que todos vão perceber, pois não adianta colocar susto demais e pouca história (ou quase nada como foi o caso deste primeiro).
Temos também algo muito interessante e não sei se foi uma falha na história, se quiseram fazer algo diferente para a história, porque no caso da Annabelle temos 3 ORIGENS PARA ELA.
*A primeira, que serviu de inspiração para os dois filmes, é o caso real de Annabelle Higgn’s que foi investigado pelo casal Ed e Lorraine Warren que não vou explicar muito, pois contamos tudo neste artigo que traduzimos a história completa contado pela própria Lorraine em seu site oficial (aqui).
*A segunda origem da possessão da boneca vem do primeiro filme, que conta basicamente o relato real dos Warren que aconteceu com as amigas Donna e Angie onde o espírito pede para Donna, que ganhou sua boneca de sua mãe que comprou em uma loja de hobby, para que pudesse se hospedar na boneca, pois é o espírito de uma garotinha que ali morreu. Porém, sua origem vem de um ritual que um casal de uma seita que tentou assassinar o casal Form, mas sem conseguir, a mulher utiliza seu sangue para amaldiçoar a boneca.
*E a terceira origem é esta do novo filme de Annabelle, que mostra a criação da boneca, assim como a possessão dela por um espírito que se passa pela criança e começa a fazer toda uma baderna no grande casarão e na vida das órfãs, freiras e do próprio casal que veio a permitir a “entrada” deste espírito maligno à boneca.

Imagem relacionadaDisto tudo isto, não creio que o filme será aquela grande “tragédia” que foi o primeiro. Uma produção diferente, profissional e dedicada para com cada toque de sustos, terror, suspense, narrativa e tudo que um bom filme do gênero tem que apresentar para dar certo.

A estréia está marcada para daqui menos de um mês, para a quinta-feira 17 de Agosto de 2017… Será que a hora mais escura e sombria irá tremer mais uma vez, agora com a boneca mais assustadora e demoníaca que é Annabelle? Clicando aqui vocês assistem a um dos trailers do filme. Nos veremos 13 de Agosto nos cinemas brasileiros e não se esqueçam: Sigam seus instintos… E boa sorte!

Não deixem de acessar nossas redes sociais clicando aqui em baixo:

*Nossa Página no Facebook

*Nosso Canal no Youtube

*Nossa Página no Twitter

*Nosso Blog no Blogger

*Nosso Programa de Rádio

Facebook Comments

Trackbacks and pingbacks

No trackback or pingback available for this article.

Leave a Reply