10 Filmes de Terror dos anos 70 que todo amante de terror deve assistir

Olá seres de Engelsblüt, como vão?

Todos nós temos assistido filmes magníficos de terror/horror nos últimos anos, como A Casa de Cera, Invocação do Mal (1 e 2), Ouija, e vários outros, mas são poucos os que curtem os filmes de terror dos anos 70, correto? Errado! Os anos 70 estão repletos de filmes de terror, e particularmente foram os melhores filmes do gênero, nesses anos, que me fizeram ver o quanto o cinema pode se superar e muitos até os dias de hoje são lembrados e assistidos por todos os amantes de terror/horror. Um exemplo magnífico é O Exorcista.
Mas vamos ao que interessa? Abaixo a lista dos 10 filmes de terror/horror dos anos 70 que todo amante do gênero deve assistir.
Boa leitura!

Obs.: Alguns dos filmes são poucos conhecidos, mas que eu, Mal’akh, particularmente, adorei ter assistido e indico para vocês! E também não é uma lista dos melhores filmes desta década, mas sim indicação.

 

1. A Profecia (1976)

                   

Baseado no livro de David Seltzer, A Profecia trás um tema que muitos cristãos gostam de abordar, mas que temem quando alguém fora da religião toca no nome: O ANTI-CRISTO. O filme conta a história de uma família, Robert e Katherine Thorn, que estão prestes a ter um filho, mas que no momento da concepção, este vem a falecer. Robert então, adota uma criança para deixar no lugar de seu filho morto, sem que Katherine perceba. Com o passar dos anos, Damien, o filho adotado, começa a dar sinais estranhos, o que durante a trama, é chamado de Anti-Cristo vivo.

A Profecia é o primeiro de uma série de três filmes baseados no personagem Damien. Os demais são: A Profecia 2 (1978) e A Profecia 3 – O Conflito Final (1981). Houve ainda um quarto filme da série, feito diretamente para a TV americana e chamado A Profecia 4 – O Despertar.

2. Carrie – A Estranha (1976)

                 

Baseado num romance de Stephen King, Carrie – A Estranha conta a história de uma garota que vive isolada em sua casa. Sua mãe, Margareth, não a deixa fazer amigos e apenas deixa sua filha trancafiada dentro de sua casa, sem visitas, sem sair com os colegas da escola, pois é uma pregadora religiosa fervorosa e crê que sua filha não deva se “misturar” com pessoas pecadoras. Durante o filme, Carrie, ao tomar banho no vestiário da escola, acaba tendo sua primeira menstruação, mas acha que está morrendo e suas colegas começam a caçoar da situação. Após este incidente, questiona a professora sobre o ocorrido e as colegas de sala acabam zombando dela e a professora, espantada pela falta de informação da jovem, explica-lhe o que é. Uma das alunas, arrependida de ter zombado de Carrie, pede que seu namorado e um amigo a convidem para o baile da escola. Ao chegar lá, Carrie é novamente ridicularizada pelos colegas, pois uma garota que foi proibida de comparecer ao baile prepara-lhe uma armadilha. Mas, esses que zombaram de Carrie, jamais imaginaram que o instinto de vingança e seus poderes paranormais poderiam fazer com cada um.

3. Balada para Satã (1971)

                      

Com o roteiro baseado no romance de Mustard Stewart, Balada para Satã trás um tema que todos nós gostamos (pelo menos eu rs’): pactos. Ele conta a história de um pianista de sucesso que vende sua alma para o demônio para que reencarne em uma outra pessoa após sua morte, para que continue a tocar seus sucessos da época. O filme, dirigido por Paul Wendkos, investe no clima de horror psicológico, sem, contudo, deixar de envolver e amedrontar o público.

4. Confissões de um Necrófilo (1974)

Filme baseado na história real dos crimes cometidos por Ed Gein. Narra a historia de Ezra Cobb. Um homem que mora em uma fazenda apenas com sua mãe. Como seu pai morreu quando ele tinha dez anos, ele e sua mãe se ajudavam para cuidar da fazenda onde moram. Apos alguns anos sua mãe sofre uma parada cardíaca e perde os movimentos do corpo, e fica confinada a uma cama sob os cuidados de Ezra. Todos os moradores da vizinhança o consideravam um filho devoto, pois ele se dedicava o dia todo a mãe. Mais quando ela morre vem a tona uma psicose que ele escondia de todos. Após a morte da sua mãe, Ezra vai ao cemitério e desenterra-a e leva seu cadáver de volta para casa. Sem mais ter a mãe viva por perto, ele acaba se envolvendo com mais pessoas e por isso dá demostrações de que não é uma pessoa normal, ele começa a fazer as coisas mais macabras que se pode imaginar.

Este assassino macabro, também foi inspiração para outros personagens de filmes de sucesso como:  Leatherface – O Massacre da Serra Elétrica (1974) e Norman Bates, de Psicose (1960).

No caso do Leatherface é cabível um parentese, já que o próprio produtor e criador do filme “O Massacre da Serra Elétrica” já deixou bem claro que ele não se inspirou em nada da realidade para criar seu macabro personagem. Mas como eu gosto de buscar informações e compará-las, não tem como deixar de notar algumas semelhanças entre o Ed Gein e o Leatherface.

No livro da DarkSide Books, nossa incrível e inestimável parceira, chamado Serial Killers – Anatomia do Mal (de Harold Schechter) lançado em Maio de 2013, o autor mostra alguns objetos que foram encontrados na casa de Ed Gein quando este foi preso e a polícia americana revistou sua casa. Lá estava, mas não somente: abajur feito de pele humana, cinto de mamilos humanos, um coração humano, tigelas feitas de crânio humano e dentro de tudo isso tinha uma rosto feito com pele humana. Não precisa ser um expert em filmes de terror (muito menos em inglês) para saber que Leatherface utiliza uma máscara feita de pele humana e a tradução do seu nome…

outra característica muito interessante, é que no filme O Massacre da Serra Elétrica 3D – A Lenda Continua (2013, dirigido por John Luessenhop) no quarto de Leatherface encontramos diversas máscaras e objetos feitos de pele e carne humanas, assim como no caso de Ed Gein… mera coincidência? Eu creio que não.

5. A Casa da Noite Eterna (1973)

                     

Produzido pela Fox, este filme mostra um grupo formado por um psiquiatra, Sr. Lionel Barrett, sua esposa Ann, uma jovem mulher com poderes psíquicos, Florence Tanner, e o único sobrevivente de uma visita anterior, Benjamin Franklin Fischer, vão passar alguns dias numa enorme mansão fantasmagórica chamada “Hell House”, com o objetivo de estudar e provar a existência de fantasmas. O grupo que permaneceu na casa anteriormente, teve seus membros mortos ou enlouquecidos, e agora a nova equipe isolada na casa deverá lutar pela sobrevivência, e tentar solucionar os mistérios da imponente mansão assombrada.

Este filme foi baseado no livro de Richard Matheson, que foi também o roteirista do filme.

6. Holocausto Canibal (1979)

                 

Filmado na Amazônia, este filme é caracterizado como bizarro, trás a história de um grupo de documentaristas que iriam gravar o dia-a-dia de uma tribo indígena. Dois meses mais tarde, depois que o grupo não retorna, o famoso antropólogo Harold Monroe viaja em uma missão de resgate para encontrá-los. Ele consegue recuperar as latas de filme perdidas, que revelam o destino dos cineastas desaparecidos.

Holocaust é um filme conhecido pela controvérsia e polêmica que causou logo após sua estreia. Depois de estrear na Itália, o filme foi apreendido por um magistrado local, e Ruggero Deodato (diretor) foi preso por acusações de obscenidade. Mais tarde ele foi acusado de ter feito um filme snuff, devido aos rumores que afirmavam que certos atores foram realmente mortos. Apesar de Deodato ter sido posteriormente inocentado dessas acusações, o filme foi proibido na Itália, Reino UnidoAustrália e em vários outros países devido à sua representação gráfica de goreviolência sexual e a inclusão de seis mortes reais de animais. Muitos países já revogaram a proibição, mas o filme ainda é barrado em várias nações. Essa notoriedade, não obstante, fez com que alguns críticos vissem Cannibal Holocaust como um comentário social sobre a sociedade civilizada. No Brasil o filme foi classificado para maiores de 18 anos e é praticamente raro encontrá-lo… mas não impossível 😉

7. Sssssss/ O Homem Cobra (1973)

                    

Um cientista louco (Martin) contrata novo auxiliar (Benedict) que se envolve com sua filha (Menzies). O rapaz acaba se tornando cobaia involuntária do cientista maluco, que o transforma num horrendo réptil humano. O filme foi campeão de audiência no Brasil, pelo SBT, em seu primeiro ano de existência. Apesar de bastante envelhecido, ainda impressiona pela excelente maquiagem do veterano John Chambers. O que mais diverte, porém, são as nada plausíveis teorias científicas. No elenco, dois astros de telesséries de ficção científica do final dos anos 1970. Benedict, que virou o capitão Starbuck de Battlestar Galactica e Menzies, que foi uma das garotinhas Von Trapp, de A noviça rebelde (1965) e ainda estrelou Logan’s Run. O esquisito título original alude ao sibilar das serpentes.

8. Banho de Sangue (1971)

                                                                                                                                                                                               

Vários assassinatos acontecem numa paradisíaca baía, começando pela condessa Donati, a proprietária do local. Jovens adolescentes com os hormônios a flor da pele, moradores das redondezas e herdeiros daquela propriedade – todos parecem tornar-se vítimas de um assassino misterioso, embora a cada momento do filme mais de uma pessoa tenha motivos para matar seus semelhantes.

Surpreendente trabalho de Mario Bava, repleto de extrema violência, reviravoltas surpreendentes e humor negro, naquele que é considerado o “avô dos slasher movies”. Não por acaso, várias de suas cenas foram posteriormente plagiadas, sem a menor vergonha na cara, em “Sexta-feira 13 – Parte 2” (como o casal empalado na cama enquanto faz sexo).

9. Aniversário Macabro (1972)

Estupradores e estuprados… vários filmes, como Doce Vingança, são baseados, intencionalmente ou não, no que vivemos nos dias de hoje, de continente a continente. No Brasil, “Aniversário Macabro” é considerado um filme escatológico e proibido em mais de 10 países por sua extrema ligação com a vida real. Têm uma refilmagem com direção de Dennis Illiads de mesmo nome e com o próprio Craven na produção.

Criminosos estupram, em seguida, matam duas jovens amigas. Algum tempo depois, um dos bandidos vai se esconder na casa de uma de suas vítimas, justamente no dia em que ela faria aniversário. Então, os pais da moça violentada, a medida em que descobrem o que realmente aconteceu à sua filha, começam a planejar uma vingança atroz contra o seu assassino. 

10. A Sentinela dos Malditos (1977)

Muitas casas assombradas em vários filmes tem tido repercussão nos últimos anos, como A invocação do Mal, mas viver em um prédio e interagir com pessoas mortas, sem ter consciência disso, deve ser muito perturbador…

Em Nova York Alison Parker (Cristina Raines), uma modelo, namora Michael Lerman (Cris Sarandon), um advogado. Apesar dele querer casar, ela decide que precisa ter no momento um espaço só seu e assim luga um apartamento, onde no último andar mora um padre cego, que tem uma vida totalmente reclusa. No novo lar tem dificuldades para dormir, por causa de flashbacks da sua tentativa de suicídio. No entanto, o mais alarmante é o surgimento de alguns “vizinhos” que, gradativamente, se descobre que são todos assassinos que já morreram.

 

Eai curtiu? Então curta nossa página no Facebook e também siga-nos no Twitter e inscreva-se no nosso canal no Youtube.

 

dancers-after-dark

Facebook Comments

Trackbacks and pingbacks

No trackback or pingback available for this article.

Leave a Reply